Mascherano garante aposentadoria após Copa do Mundo: "Tenho claro"

11/10/2017

 A trajetória de um dos destaques da Seleção Argentina está perto de chegar ao fim. Na última terça-feira, o zagueiro Javier Mascherano anunciou que já sabe a data da sua aposentadoria: a Copa da Rússia em 2018.

Em êxtase após a classificação da Argentina para o Mundial, Mascherano desabafou após a partida e afirmou que o confronto com o Equador poderia ser seu último jogo pela seleção, mas a vaga para a Copa adiou o pendurar de chuteiras.

- Para muitos, hoje poderia ter acabado toda a história aqui, graças a Deus não foi assim. Se eu chegar à Rússia, o final será lá. Isso eu tenho claro.

A classificação argentina para a Copa só saiu na última rodada das Eliminatórias, em razão de uma campanha irregular do país na competição. Passando por três treinadores diferentes e muitos tropeços dentro e fora de casa, o sofrimento dos torcedores perdurou até a última noite. Apesar da vitória, Mascherano reconhece a má campanha do time e pede uma reflexão sobre o ciclo dos atuais vice-campeões mundiais, acreditando numa virada da Argentina durante o Mundial.

- Tomara que nós possamos analisar o que passou nesses últimos três anos para poder reconstruir o futebol argentino. Não temos que pensar em outra geração que não seja a que vem. Temos a oportunidade de sonhar, é o Mundial e tivemos um treinamento com a lembrança de como o time do Brasil joga. Temos que nos preparar durante esses sete ou oito meses para chegar da melhor forma, e tentaremos dar o golpe.

Sobre a vitória contra o Equador, Mascherano não fugiu do tema da noite: a atuação salvadora de Lionel Messi. Para o zagueiro, é dever dos jogadores argentinos ajudá-lo na Copa do Mundo.

- Leo Messi é o dono desse jogo, e quando você é o dono, tem capacidade para criar as coisas. Espero que possamos ajudá-lo na Rússia. Já o desfrutamos, agora temos que ajudá-lo.

Lance




Outras Notícias